Pais de alunos da Escola Cleriston Andrade assistem palestra sobre o PDCE

Pais de alunos da Escola Municipal Cleriston Andrade (São Marcos) assistiram na terça-feira, dia 17/10, a palestra sobre o Projeto Defesa Civil nas Escolas (PDCE) apresentado pela pedagoga da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Fátima Luz.

Na oportunidade, foi  apresentado uma síntese do que foi ministrado aos alunos no decorrer dos módulos do PDCE. Esses módulos trazem subsídios para que os participantes possam se preparar para atuarem como agentes disseminadores de informação e, assim,  ampliar a circulação dos conhecimentos sobre as ações preventivas da Defesa Civil de Salvador. Na oportunidade, tópicos sobre a atuação da defesa civil, educação ambiental e primeiros socorros ganham destaque.

“Ao conseguirmos mobilizar os alunos, com certeza, vamos fazer com que eles levem essas informações para os seus pais e familiares. Esta tarefa pode ser facilitada no dia-a-dia da sala de aula com a ajuda do professor que trabalha com temas que estão mais próximos da realidade deles”, destacou a pedagoga da Codesal, Fátima Luz, aos familiares presentes na reunião.

“Foi positivo perceber o interesse dos pais em saberem um pouco mais sobre o que foi passado para seus filhos durante a apresentação dos módulos do PDCE. Fátima deu um show de conhecimento sobre primeiros socorros e conduziu os trabalhos de forma dinâmica e com maestria”,  avaliou a subcoordenadora de Ações Comunitárias e Educativas, Kelly Morais, que participou do encontro.

Mobilização aproxima Codesal da comunidade de Padre Ugo

Um dos principais objetivos da Defesa Civil de Salvador (Codesal) é promover uma cultura de redução dos riscos nas comunidades vulneráveis à desastres da capital baiana, principalmente aquelas localizada em áreas de encostas.

Para atingir este objetivo são realizadas inúmeras ações com foco na redução do processo de vulnerabilização das pessoas frente aos desastres, cujos diferentes fatores devem ser engendrados na gestão dos riscos, nos planos de desenvolvimento local, nas políticas públicas da Prefeitura, e demais instrumentos disponíveis.

A porta de entrada para a mudança dessa realidade são as mobilizações que visam a atrair moradores daquelas comunidades à ação voluntária.

Desde ontem (16.10), por exemplo, técnicos da Codesal, realizam mobilização na comunidade de Padre Ugo (Canabrava) localizada em região passível de problemas em períodos chuvososo. A atividade, que tem a coordenação da assistente social Eliene Bitar, será realizada diariamente até sexta-feira (20/10).

Após a consolidação do grupo, tem início à capacitação para formar o Núcleo Comunitário de Proteção e Defesa Civil (Nupdec) que consiste em palestras sobre os objetivos da defesa civil, percepção de risco, primeiros socorros, entre outros temas.

“A mobilização ajuda a fortalecer o vínculo da Defesa Civil com a comunidade, sendo que o denominador comum das práticas de proteção, apresentadas pelo Nupdec, deve ser a preservação dos direitos humanos e da proteção da vida com dignidade”, afirma a subcoordenadora de Ações Comunitárias e Educativas, Kelly Morais, que participou da mobilização desta terça-feira (17.10), com o pastor Fábio.

Codesal mobiliza comunidade de Padre Hugo

Começamos nesta segunda-feira (16/10), a mobilização na comunidade de Padre Hugo, localizada em  Canabrava. As ações de mobilização, realizadas por técnicos da Defesa Civil de Salvador (Codesal), para a formação Núcleo Comunitário de Proteção e Defesa Civil (NUPDEC), continuarão até a próxima sexta-feira (20/10). Tão logo seja formado, o grupo de voluntários participará das atividades de capacitação para o Nupdec.

Começa formação do Nupdec em Rosalvo Silva (São Marcos)

A comunidade de Rosalvo Silva, em São Marcos, participa até o próximo dia 23/10 da capacitação para a formação de mais um Núcleo Comunitário de Proteção e Defesa Civil (Nupdec). A ação começou nesta segunda-feira (16/10) e já teve a participação de  número significativo de moradores.
A finalidade desses núcleos é integrar o Sistema de Defesa Civil,  estabelecimentos de ensino e a  comunidade para garantir uma ação conjunta em prol da segurança social. Por meio de programas de mudança cultural e treinamento, busca-se o engajamento de comunidades participativas, informadas, preparadas de seus direitos e deveres relativos à segurança comunitária.

Mobilização prossegue em Rosalvo Silva (São Marcos)

Na foto, a subcoordenadora Kelly Morais, a assistente social, Eliene Bitar, o subprefeito do bairro de Pau da Lima, Jean Sacramento, e o diretor da Codesal, Sósthenes Macedo

O diretor da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Sósthenes Macedo, participou, na manhã desta terça-feira (10/10), juntamente com técnicos órgão, do segundo dia de mobilização para a formação do Núcleo Comunitário de Proteção e Defesa Civil (Nupdec) na comunidade de Rosalvo Silva, em São Marcos. O objetivo é congregar o maior número possível de pessoas para participarem da capacitação.

Os membros dos Núcleos Comunitários de Proteção e Defesa Civil são reconhecidos e inseridos no Sistema Municipal de Proteção e Defesa Civil (SMPDC) como agentes fundamentais no desenvolvimento das ações de prevenção de desastres, atuando principalmente na observação cotidiana sobre riscos, além de serem elementos de comunicação junto aos demais órgãos públicos, sugerindo inclusive intervenções mais adequadas para solução dos problemas.

O objetivo da Codesal é que com o envolvimento de pessoas preparadas e organizadas em Nupdec’s, atuando como multiplicadores em suas comunidades, a cidade terá uma significativa redução das ocorrências de desastres e diminuição seus efeitos.

Veja fotos da mobilização:

Codesal certifica voluntários do Nupdec em Novo Horizonte

Cento e onze moradores de Novo Horizonte foram certificados na tarde de quinta-feira (05/10) como voluntários do programa Núcleo Comunitário de Proteção e Defesa Civil (Nupdec), em evento realizado na Escola Municipal Novo Horizonte.

A atividade faz parte da estratégia municipal de estreitar laços e instruir os cidadãos sobre atitudes que possam prevenir acidentes. Estiveram presentes na solenidade o chefe de Gabinete do Prefeito, João Roma, a diretora geral das Prefeituras-Bairro, Ana Paula Matos, representantes da Ouvidoria, professores e gestores da unidade escolar, lideranças comunitárias e outros gestores municipais.

RESULTADOS POSITIVOS

O diretor da Codesal, Sosthenes Macedo, explicou que esta ação terá resultados positivos que poderão ser percebidos no dia a dia das comunidades, sobretudo em épocas de chuvas.

“É uma série de treinamentos que visa orientar os moradores de áreas de risco a se prevenir em episódios de chuvas, para que eles saibam como proceder. A formação envolveu engenheiros, arquitetos, assistentes sociais, ou seja, é uma equipe multi-setorial atuando”, explicou o gestor.

O treinamento consiste em explicação do projeto; papel da Defesa Civil; e órgãos parceiros de trabalho (como as Secretarias de Manutenção, Cidade Sustentável e Inovação e Infraestrutura e Obras Públicas). Também passam por uma instrução de percepção de risco sobre rachaduras.

Há ainda um momento sobre a atuação do Corpo de Bombeiros, noções de primeiros socorros, e como utilizar de forma correta utensílios como botijões e registro de gás de cozinha para evitar acidentes.

AÇÕES PREVENTIVAS

“A intenção é apresentar aos moradores ações preventivas, fazer com que as pessoas mudem seus atos, seus hábitos, como o de jogar lixo fora do local ideal”, explicou a coordenadora do Nupdec, Kelly Morais. No ano anterior, foram certificados 485 voluntários.

Este ano o Nupdec já formou 383 e ainda há previsão de mais três turmas para a capacitação até dezembro. Na segunda-feira (9), o órgão inicia a mobilização para convidar os moradores a participar do programa no bairro de São Marcos, e no dia 16 começam as atividades no local. Depois, o projeto ainda passará pelos bairros de Canabrava e Lobato.

Veja mais fotos a certificação: